Ampliação da licença paternidade

pai_e_filho

Eu tive muita sorte em relação à questão do pai presente nos primeiros dias, meses, já que meu noivo tem a própria empresa dele com o pai, então não houve essa obrigatoriedade de licença, ou volta para o trabalho mais cedo. E ele ficou comigo, já que eu não conseguia e nem podia cuidar do Guilherme nos primeiros dias, pelo pós-parto ter sido doloroso, então ele assumiu tudo! Mas penso nas outras mães que não tem essa regalia, que não tem mães, pai, alguém próximo pra ajudar, não ter condições financeiras, algo que não possibilite ter essa tranquilidade após o nascimento do seu bebe.

Entao pois, foi sancionada a lei em que se aumenta de 5 para 20 dias a licença paternidade, ou seja, uma ampliação de 15 dias.

Antes eram somente 5 dias????
Sim, pois é.
Entao é uma grande vitória esse acréscimo de 15 dias, certo?
CLARO QUE NAO!

Não sei se fui umas das poucas, porque o que vi de mae no instagram comemorando essa nova aquisição, não foram poucas. Mas não achei uma grande vitória !
Primeiro porque não são todos os pais que podem usufruir dessa licença, segundo porque, como eu falei la em cima, eu tive foi sorte, porque quantas mulheres atualmente fazem cesariana, e quantas tem um pos parto TAO tranquilo, sem dores, a ponto de cuidar TRANQUILAMENTE do seu recém-nascido?! 20 dias ainda é pouco !

Quem pode usufruir dessa licença?

Apenas os pais em que trabalham em empresas que participam do Programa Empresa Cidadã
(O Empresa Cidadã é um programa do governo. Ele foi criado em 2008, e já dava isenção de impostos para empresas que aceitem aumentar de quatro para seis meses a licença-maternidade de suas funcionárias.)
E os que não estão nessas empresas?
Ficam somente com aqueles 5 dias.

LEGAL NE?! Agora, as empresas que participam desse tal Programa, são somente as empresas grandes, que ganham não sei quantos milhões por ano. Você acha que a maioria dos trabalhadores desse país estão dentro de empresas desse porte?!  Ai deixo pra você que ficou feliz da vida com a notícia, responder. Não acho que o governo ta fazendo coisa boa pra nós, mães, e pais, (EM PARTE SIM, CLARO, AUMENTOU O NEGOCIO, EBA, UHUL, MAS..). Eu acho que deveria acontecer uma discussão mais aprofundada sobre esse tema, porque isso ta MUITO errado ! São pouquíssimos pais que possuem essa regalia, e quando falo poucos, eu falo em milhares !

Antes de ficarem felizes com essa tal lei “melhorada”, tira 5, 10 minutinhos do seu tempo, e procura saber melhor sobre esse tema, e você vai a parte ruim, péssima, dolorosa pra uma mãe (principalmente pra ela). Eu nem me aprofundei tanto, e já achei essas coisinhas, imagina. Essa lei deveria abranger à todos nós brasileiros, e não só uma parte.

Para se aprofundar mais no assunto:

Cientista que virou mãe

Mudança da lei – UOL

Licença paternidade – Senado

Uma ideia sobre “Ampliação da licença paternidade

  1. Bárbara Almeida

    Cara, 20 dias realmente não é nada. Os pais ainda vão ter que ser obrigados a pegar as férias juntas para somar os 20 + 30 dias para ajudar a mulher. As mães que não tem os pais por perto, tem que se virar sozinhas, e isso é muito difícil, imagino eu né. Também, não acho que é motivo para melhorar.

    Beijos, Love is Colorful

    Responder

Comenta aqui :)